A volta dos (desafios literários) que nunca foram

Imagem: Pixabay

Sei que o mundo está um verdadeiro caos. Todos temos passado por situações difíceis, embora diferentes, já que cada um tem seus problemas para lidar no meio deste grande problema coletivo, que é a pandemia. Além da total falta de responsabilidade dos nossos governos. Gostaria de ter algum tipo de solução para oferecer, mas não tenho. Porque a solução para isso não é individual, mas coletiva. Se organize de alguma maneira, é o que tenho a dizer.

Mas também precisamos manter a sanidade. Uma das coisas que tem me ajudado é escrever, embora ultimamente eu tenha deixado o blog um pouco de lado e esteja escrevendo apenas para mim, no meu caderno de anotar a vida. Não é de propósito que faço isso, tenho sentido a necessidade de me expor cada vez menos na internet, principalmente nesse contexto em que há tanta coisa urgente e grave acontecendo. Acho que estou travada para escrever coisas com o objetivo de publicá-las. A cabeça está bastante cheia, mas não sai nada. Talvez a resposta seja escrever sem pensar muito nisso, não sei…

De qualquer modo, decidi tentar retomar a escrita do blog e a melhor forma que encontrei foi a de terminar uma tarefa inacabada: os desafios literários. Para quem não sabe, desde 2017 tenho lido apenas livros escritos por mulheres e minha intenção, quando comecei, foi também a de compartilhar essas leituras, a fim de incentivar, de alguma forma, a saída do restrito mundo literário masculino e branco.

Comecei a compartilhar as leituras aqui, mas a verdade é que desde 2017 minha vida tem sido cheia de grandes mudanças e muitas questões de gente adulta para resolver. Além disso, no ano passado iniciei uma nova graduação, que ocupa praticamente toda a parte do meu tempo de leitura e estudos. Por isso, as publicações foram interrompidas no final de 2018. Não foi de propósito, fiquei triste, mas simplesmente não consegui. Porém, os livros foram quase todos lidos (faltam apenas 3 do desafio de 2019) e quero acabar o que comecei. Isso significa que em minhas próximas publicações vou falar sobre esses livros. Vou tentar não ficar presa apenas a esse assunto, quem sabe puxando o blog com a continuidade dos desafios, a vontade de escrever retorna.

Então deixa eu organizar aqui, para quem tiver interesse:

– O desafio literário de 2017 – 12 livros escritos por mulheres – está completo. Você pode acessá-lo clicando AQUI. Nessa publicação tem os links para todos os textos sobre as autoras e as obras.

– O desafio literário de 2018 – 12 livros escritos por mulheres negras – foi interrompido no mês de novembro. Ou seja, é exatamente aí que vou retomar as publicações, mas neste link você pode ver todas as autoras e obras que já comentei.

– O desafio literário de 2019 – 6 livros escritos por mulheres latino-americanas – não teve nenhuma publicação ainda. Mas deixo AQUI o link, caso você queira ver a lista e, quem sabe, ler algum para trocar figurinha comigo quando eu publicar sobre ele aqui.

Não criei nenhum desafio para 2020 porque, como vocês podem imaginar, vi que seria impossível conciliar essas leituras e publicações com a faculdade. Sigo firme no meu propósito de ler apenas livros escritos por mulheres, mas preciso deixar os desafios literários por um tempo. Então, após finalizar o que está atrasado, não haverá um novo.

É isso! Obrigada por lerem até aqui e espero que todas essas listas de livros despertem a curiosidade de vocês para ler pelo menos um! Aliás, se alguém já leu um desses livros, vou adorar receber comentários com as impressões de leitura.

Até mais ler!


Um comentário sobre “A volta dos (desafios literários) que nunca foram

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s